FRELIMO E RENAMO Apelam A Uma Campanha Eleitoral Ordeira

FRELIMO E RENAMO Apelam A Uma Campanha Eleitoral Ordeira

4 de agosto, 2019 0 Por arcenioamos

Os partidos  FRELIMO e RENAMO em Sofala enalteceram  os esforços do Presidente da República, Filipe Nyusi e do líder da Renamo, Ossufo Momade,  na busca da paz, um esforço que culminou com a assinatura do acordo de cessação de hostilidades há dias em Gorongosa,  e querem uma campanha eleitoral ordeira.

Este posicionamento dos dois partidos, foi manifestado na cidade da Beira, por quadros seniores daquele partido a nível central que se encontram naquele ponto do país, com objectivo de aprimorarem as suas “máquinas” eleitorais.

A Frelimo, através de Sérgio Pantie,  que é chefe da  brigada central que assiste a província de Sofala, referiu que o seu partido quer que o acordo de cessação definitiva de hostilidades rubricado no passado dia 1 de Agosto na região de Chitengo, no Parque Nacional de Gorongosa, tenha continuidade.

“Não gostaríamos de voltar a ouvir de guerra e de homens armados pertencentes a um partido. Por outro lado, queremos apelar a todas as partes para garantirem que as eleições de 15 de Outubro deste ano  decorram num ambiente festivo e que depois das mesmas não haja uma instabilidade política. Queremos um país verdadeiramente democrático”.

Pantie que esta na Beira para, entre outros assuntos, aprimorar  a  máquina eleitoral do seu partido  face às eleições de Outubro próximo aproveitou a ocasião para voltar a depositar inteira confiança no seu cabeça-de-lista para o cargo de governador de Sofala.

E a Renamo que em caravana escalou os bairros do posto administrativo de Inhamízua, uma marcha que foi desaguar na sede deste partido no bairro da Manga.

Por seu turno, Domingos Gundana, chefe-adjunto da mobilização nacional da  Renamo, que no último fim-de-semana liderou uma caravana do seu partido, no posto administrativo de Inhamízua, referiu primeiro que a paz é um bem sempre desejado pelo falecido líder deste partido, Afonso Dhlakama e  também aproveitou reiterar que o seu partido ganhará as eleições provinciais.

“E todos os membros da Renamo vão seguramente acarinhar e assegurar esta paz. Esperamos que os nossos adversários desde o topo até a base, também saibam acarinhar este bem precioso. Queremos por outro lado, que nas próximas eleições haja espaço para que cada moçambicano com direito a voto o faça normalmente e que no final haja um justo vencedor”.

O PAIS