Moçambique estreia-se amanhã diante do Quénia no “Afrobasket” 2019

Moçambique estreia-se amanhã diante do Quénia no “Afrobasket” 2019

11 de agosto, 2019 0 Por arcenioamos

A selecção nacional de basquetebol sénior feminina defronta, amanhã, às 14h30, o Quénia em jogo da primeira jornada do grupo “D” do Afrobasket 2019, prova da decorrer de 10 a 18 de Agosto, em Dakar, Senegal.

À partida, Moçambique é o grande favorito até porque tem historial na modalidade e apresenta melhor estrutura que as quenianas que, em 2017, não conseguiram se qualificar para prova realizada em Bamako, Mali.

Com uma equipa composta por atletas experientes e algumas que marcam a sua estreia, a selecção nacional vai lutar por uma das vagas que garantem a disputa do torneio pré-olímpico, ou seja, competição que qualifica para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020.

Às experientes Anabela Cossa, Odélia Mafanela, Leia “Tanucha” Dongue, Amélia Massingue, Deolinda Gimo se juntam as talentosas Tamara Seda, Eleutéria “Formiga” Lhavanguane, jogadoras que se estrearam na prova em 2017.

Há ainda a destacar, neste grupo, três atletas que irão disputar o “Afrobasket” pela selecção principal pela primeira vez: Delma Zita, MVP do Campeonato Nacional de Basquetebol; Denise Ernesto, base do Costa do Sol; e Nilza Chiziane, poste da A Politécnica.

Devido ao número ímpar de quipás (3), Moçambique fica de fora no domingo voltando a entrar em cena na terça-feira diante de Cabo Verde.  

É um jogo em que, dado o seu estatuto, a selecção nacional de basquetebol sénior feminino é também obrigada a vencer.
Na última edição do Campeonato Africano de Basquetebol, Moçambique ocupou a quarta posição após perder com Mali, por 75-52.

Nas meias-finais, o conjunto então treinado por Nasir “Nelito” Salé perdera com o vice-campeão Senegal por 75-52.